Derretendo em Recife / by AK47

[English]

We took a flight to Recife. Landed at the crazy climate of Recifusion. We lived inside a Graffiti Shop. We eat cassava and corned beef. We drank Pitú. We stepped on mud. We burned northeast herbs. We broke our teeth with hot coffee. Cold sweat over the steel rails.

It was DOPE! We spent almost 30 days in a cultural blender called Recifusion 8, lost in work, fun and multiple spiritual experiences. Transfer to you everything we lived there will be a slow work through posts over weeks on our blog. Calm down please, gradually we throw up everything we eat there.

For now, to avoid a curiosity attack, we selected few clicks to show the wealth and diversity of that city. The streets of Recife are violent, dirty, hot, strong, mad. Following our high fever memories, and scorpions walking on the sidewalk.

Keep Up.

[Português]

Pegamos um voo para Recife. Aterrizamos no clima frenético do Recifusion. Ficamos abrigados dentro de uma Graffiti Shop. Nos alimentamos de macaxeira e carne de sol. Bebemos Pitú. Metemos o pé na lama. Carburamos as ervas do nordeste. Trincamos os dentes com o café quente. Suamos frio sobre os trilhos de aço.

Foi FODA! Passamos quase 30 dias dentro de um liquidificador cultural chamado Recifusion 8, perdidos no meio de trabalho, diversão, experiências e vivências multiplas. Transmitir pra vocês tudo o que vivemos por lá vai ser um trabalho lento, por meio de posts ao longo de semanas aqui em nosso blog. Calma, aos poucos a gente vomita e torna público tudo que comemos por lá.

Por hora, só pra matar um pouco da curiosidade, selecionamos alguns cliques pra mostrar tanta riqueza e diversidade. A Rua em Recife é foda, suja, quente, forte, braba. Seguem nossas lembranças de febre alta e escorpiões andando na calçada.

Noiz.

(Article by AK47. A loud shout out to the International Graffiti Festival RECIFUSION 8, and the 33 INK STREET. Keep up the good work!)